Quinta-feira, 13 de Agosto de 2020
Política

Eleições municipais: Comícios e eventos com aglomerações podem ser proibidos em 2020

PL que prevê a proibição de tais acontecimentos tramita na Câmara dos Deputados

Publicada em 22/07/20 às 19:23h - 92 visualizações

por TIRSUL


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Projeto de Lei (PL) nº 3.602/2020 em tramitação na Câmara dos Deputados prevê a proibição de comícios e eventos que promovam aglomerações durante as eleições municipais deste ano. Segundo a proposta, esses eventos ficam impedidos de ocorrer enquanto durar o estado de calamidade pública decretado por conta da pandemia do coronavírus (Covid-19), que se encerra em 31 de dezembro de 2020. A proposta é de autoria do deputado federal Túlio Gadêlha (PDT-PE).

De acordo com o PL, caberá ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) editar um regulamento com medidas que garantam a segurança sanitária de mesários e eleitores durante a votação, o que inclui ações que estabeleçam o distanciamento social. O regulamento deverá ser divulgado pelo menos 30 dias antes do primeiro turno.

Eduardo Stranz, consultor da Confederação Nacional de Municípios (CNM), diz que a proposta se adequa a realidade vivida no país, mas afirma que candidatos de municípios pequenos, onde os comícios é a principal plataforma de campanha, poderão ser prejudicados. – No interior do Brasil, a eleição ainda ocorre com visitas de porta em porta, com a realização de comícios, através do contato físico com o eleitor – ressalta o consultor da CNM.

Na justificativa de apresentação do Projeto de Lei, Túlio Gadêlha alega que há unanimidade entre especialistas de saúde em relação a medidas de isolamento social para evitar o contágio por Covid-19. Além disso, o parlamentar cita que, mesmo com um eventual controle da pandemia, é preciso garantir que novos surtos não aconteçam.

– Precisamos ter a consciência de que, tão importante quanto conter o atual surto, é essencial evitar que surjam novos. Mesmo que nos próximos meses o surto mais grave seja controlado, apenas a manutenção de medidas sanitárias corretas garantirá a preservação da nossa saúde – defende o pedetista.

 

FONTE: Agência do Rádio




ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








Nosso Whatsapp

 (55)9 9691 2033

Visitas: 1327219
Usuários Online: 44
Copyright (c) 2020 - TIRSUL - Estamos felizes por você estar aqui, compartilhe conosco suas idéias e comentários.