Cidade

Municípios da região pedem trégua aos caminhoneiros em função do desabastecimento

Prefeitos e vereadores que integram a Amuceleiro e Acamrece estiveram reunidos nesta terça-feira para avaliar a situação e tentar minimizar os impactos já sentidos nos municípios

Publicada em 29/05/18 às 20:51h - 15 visualizações

por TIRSUL


Compartilhe
   

Link da Notícia:

Prefeitos e vereadores da região estiveram reunidos de forma extraordinária na tarde desta terça-feira (29) em Três Passos, buscando definir algumas ações, em virtude do agravamento da crise com a paralisação dos caminhoneiros, que atingiu o nono dia.

Após analisarem o cenário atual em cada município, com uma série de carências em função de bloqueios em rodovias, ocasionando desabastecimento de combustíveis, falta de produtos e afetando diretamente a cadeia produtiva da agropecuária, os prefeitos decidiram apresentar uma nota pública, onde devem pedir uma trégua ao movimento grevista dos transportadores, reconhecendo e valorizando a importância da greve que protagonizaram, mas alertando para as dificuldades que estão sendo encontradas nos municípios para a manutenção de serviços básicos à população.

Outro ponto definido é que nesta quarta-feira, dia 30, as prefeituras que ainda tiverem condições de manter o transporte escolar e as demais estruturas em funcionamento, não irão paralisar atividades, apenas aquelas que não tem condições de manter os serviços. Na sexta-feira, entretanto, todos os municípios decretaram ponto facultativo e as prefeituras não estarão em funcionamento.

Os municípios também decidiram que estarão decretando estado de anormalidade, situação de emergência ou estado de calamidade (a depender de um parecer de uma consultoria que presta serviços à Amuceleiro), em função das perdas que estão ocorrendo, principalmente na área agrícola.

O comandante do 7º BPM (Batalhão de Polícia Militar), major Diego Munari, foi convidado a participar do encontro e colocou o efetivo da corporação a disposição dos municípios para organizar escoltas a fim de garantir o abastecimento de combustível nas cidades, prioritariamente para a manutenção de serviços básicos como saúde, educação e a própria segurança pública.

"Estamos tendo essa compreensão por parte dos manifestantes, de liberar aquelas cargas que são essenciais para setores sensíveis das nossas comunidades" destacou Munari.

O prefeito de Chiapetta e presidente da Amuceleiro, Eder Both, afirma que "a pauta dos caminhoneiros é justa e muito digna, mas alguns pleitos foram atendidos pelo governo federal e a manutenção dos bloqueios começa a afetar principalmente o setor agrícola da região, sendo que queremos mediar para que isso possa ser solucionado de alguma forma, com uma trégua por parte dos caminhoneiros".





Deixe seu comentário!

ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.







Nosso Whatsapp

 (55)9 9691 2033

Visitas: 96783
Usuários Online: 34
Copyright (c) 2018 - TIRSUL - Estamos felizes por você estar aqui, compartilhe conosco suas idéias e comentários.